O que é uma órbita?

O que é uma órbita?

Desculpe esse vídeo não é gratuito.

Por favor logar para ver o vídeo completo.

Sumário do vídeo

Como a órbita dos planetas é ditada pela massa e força da gravidade.

Fatos Importantes

  • A trajetória curva de um objeto em torno de outro constitui sua órbita.
  • Objetos orbitam em virtude dos efeitos da gravidade.
  • A atração gravitacional entre dois objetos depende de sua massa e distância.
  • Como o Sol é o maior objeto do nosso Sistema Solar, todos os planetas orbitam em torno dele.

Transcrição

A Lua gira em torno da Terra. A Terra gira em torno do Sol.

A trajetória de um corpo em torno de outro é a sua órbita.

As órbitas têm tudo o que ver com a gravidade.

Segundo Isaac Newton, a gravidade é a força de atração existente entre todos os corpos do Universo.

Por causa dela as maçãs caem ao chão.

E planetas, satélites, estrelas e galáxias podem se manter unidos.

A ação gravitacional é essencial para que as órbitas existam. Mas, o que determina essa força que se deve à gravidade?

Ela depende de apenas duas coisas: da massa de dois corpos e da distância entre eles.

Quanto maior a massa, maior a força gravitacional exercida entre eles.

Quanto mais distantes dois objetos, menor é essa força gravitacional.

O Sol é o maior corpo no Sistema Solar, e todos os planetas orbitam em torno dele.

Mas como surgiram as órbitas dos planetas?

Admite-se que o Sistema Solar tenha sido formado a partir de uma nuvem rotativa de gás e poeira, que girou em torno de uma estrela em formação, o Sol.

Assim, supõe-se que todos os planetas foram se formando da agregação gravitacional de partes dessa nuvem giratória e mantiveram o mesmo movimento de rotação da nuvem em torno do Sol. Graças à sua intensa força gravitacional, se mantiveram em órbita.

Não há órbitas apenas em torno do Sol.

Os satélites se mantêm em órbita em torno de seus planetas.

A Lua, nosso satélite natural, também se mantém em órbita em torno da Terra graças à gravidade e, pela mesma razão, exerce ação gravitacional sobre a Terra.

A atração gravitacional da Lua é a causa predominante das marés.

Nós também podemos colocar satélites em órbita da Terra.

Esses satélites orbitam a Terra transmitindo dados, mostrando-nos as condições climáticas e nos ajudando a determinar nossa localização na superfície terrestre.

Então é isso. Todos os corpos do Universo interagem graças à gravidade.

Contato